terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Livro registra construção de linha 4-Amarela


Fonte: Folha de SP

Água, barro, escavadeira, escuridão. Concreto, vidro, metal, luz, um trem flutua sublime sobre os trilhos.

Quase cinco anos separam a primeira e a última imagem de "Linha 4" (Olhares, R$ 70, 132 págs.), livro de Rogério Canella que reúne fotos tomadas durante a construção da linha do metrô paulistano que liga a Luz (Centro) à Vila Sônia (zona oeste).

Longe da agitação da cidade, o fotógrafo, colaborador da Folha, lança olhares diferentes a SP. Em vez de se afastar do centro, ele submergiu. 

Não se veem as plataformas hoje cheias e o empurra-empurra do horários de pico. O embate aqui é entre máquina e natureza, na construção a fórceps dos túneis da via.

Tal como a obra de engenharia, o livro divide-se em quatro capítulos/fases. Se, no começo, falta forma, o túnel consolida-se diante dos olhos à medida que se avança nas páginas do volume.

A obra, com 120 fotos captadas por meio de equipamentos analógicos, será lançado hoje, antes mesmo da abertura à população de todas as estações que compõem a linha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores