terça-feira, 16 de outubro de 2012

Linha 4-Amarela completa 1 ano transportando 160 milhões


Fonte: STEFZS

A linha 4-Amarela do metrô de São Paulo completa nesta terça-feira seu primeiro ano de operação comercial plena. Há um ano, as estações Luz, República, Paulista, Faria Lima, Pinheiros e Butantã atendem ao usuário de domingo a sexta-feira das 4h40 à meia-noite e sábado das 4h40 até a 1h. Nestes últimos 12 meses foram transportados 160,3 milhões de passageiros, segundo a ViaQuatro, concessionária que opera a linha.

O recorde de movimentação da linha aconteceu na última quinta-feira, véspera de feriado, quando 677 mil passageiros passaram pelas seis estações.

Durante o primeiro ano de operação, os 14 trens da linha 4-Amarela, construídos na Coreia do Sul, fizeram 229.962 viagens e percorreram uma distância de 2,3 milhões de km.

A linha opera com o sistema driverless, que permite operação automática. Hoje, considerando o número de passageiros e de estações, a linha 4-Amarela é a driverless mais movimentada em todo o mundo, com um transporte médio de 110 mil usuários por estação/dia. "Completar o primeiro ano de operação comercial é um grande orgulho para a ViaQuatro, pois representa a superação de muitos desafios", afirma o diretor de atendimento da ViaQuatro, Claudio Andrade.

O primeiro trecho da linha 4-Amarela, entre as Estações Faria Lima e Paulista foi entregue em 25 de maio de 2010. No dia 28 de março de 2011 foi inaugurada a Estação Butantã, a terceira da linha. Em 16 de maio entrou em operação a Estação Pinheiros e, no dia 3 de junho, iniciou-se a integração gratuita com a linha 9-Esmeralda da CPTM.

As duas últimas estações da primeira fase, República e Luz, foram inauguradas simultaneamente no dia 15 de setembro de 2011. Um mês depois, no dia 16 de outubro, a linha 4-Amarela passou a operar em horário integral em suas seis estações.

Na segunda etapa, prevista para ser concluída a partir de 2014, serão entregues as estações Fradique Coutinho, Oscar Freire, Higienópolis-Mackenzie, São Paulo-Morumbi e Vila Sônia. Com a conclusão desta fase, a demanda da linha 4-Amarela é estimada em cerca de 1 milhão de passageiros por dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores