quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Ciclistas enfrentam restrições no Metrô e na CPTM


Fonte: Gazeta de Pinheiros

Quem utiliza bicicleta como meio de transporte na Capital tem dificuldade para embarcar nas estações do Metrô e da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos). Isso porque o acesso dos ciclistas aos meios de transporte sobre trilhos tem horários restritos.

De segunda a sexta-feira as bikes são permitidas no Metrô após as 20h30, porém, apenas no último vagão de cada trem. Já na CPTM as bikes são proibidas nos vagões durante os cinco dias úteis da semana.

Aos sábados e domingos, os ciclistas podem levar as magrelas no Metrô a partir das 14h, mesmo período permitido nos ramais da CPTM. O horário nos finais de semana colabora com o público que frequenta o circuito da Ciclofaixa de Lazer.

Quanto a uma possível mudança no período em que as bicicletas são permitidas nos vagões, Metrô e CPTM informam que a medida poderia reduzir a oferta de assentos para os demais passageiros entre segunda e sexta-feira.

2 comentários:

Mário Simabukuro Filho disse...

eu acho que o metro deveria oferecer vagões sem assentos em algumas composições nos horários de pico e no ultimo vagão destinado a bicicleta e cadeirantes, sendo o primeiro vagão destinado a idosos , gestantes etc... aumentando assim a quantidade de passageiros transportado pois pelo trajeto muita gente não iria se incomodar de ir em pé ...

Diego Silva disse...

Não é muito interessante Mário. Os trens modernizados do Metrô já estão vindo com menos assentos, justamente para ter um carregamento ainda maior. O motivo: as viagens de Metrô são curtas. Diferente da CPTM, onde pessoas viajam por quase uma hora, no Metrô, alguns trajetos não passam de vinte minutos.

Postar um comentário

Seguidores