terça-feira, 19 de junho de 2012

Metrô faz campanha por assento preferencial


Fonte: Governo do Estado
Foto: Diego Silva

O usuário de transporte público sabe que existem lugares reservados para obesos, gestantes, pessoas com bebês ou crianças de colo, idosos e pessoas com deficiência. O Metrô de São Paulo reforça que a população respeite o direito previsto na Lei Federal 10.741/2003.

Um vídeo exibido nos monitores de TV dos trens do Metrô de São Paulo lembra a importância de respeitar o assento preferencial. Em 15 segundos, a mensagem "Quem deixa o assento preferencial livre respeita o direito de quem precisa" reforça para que as pessoas deixem os assentos preferenciais livres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores