segunda-feira, 21 de maio de 2012

Metroviários decidem entrar em greve á partir de 00h de quarta-feira


Fonte: Sindicato dos Metroviários de SP


Os metroviários, reunidos em assembleia no dia 16 de maio, rejeitaram a proposta de reajuste salarial da empresa, decidiram pelo estado de greve e indicaram uma greve a partir da próxima quarta-feira (23 de maio).

A assembleia do dia 16/05, os metroviários, rejeitaram a proposta de reajuste salarial da empresa, decidiram pelo estado de greve e indicaram uma greve a partir da próxima quarta-feira (23 de maio).

O Metrô apresentou no dia 16 de maio as seguintes propostas, todas descartadas pela categoria:

  •         Reajuste salarial de 4,15%
  •         Aumento real de 0,50%
  •         Reajuste de 4,15% para o vale-refeição, vale-alimentação e auxílio-creche.
  •         Equiparação salarial: NADA
  •         36 horas semanais; NADA
  •         Periculosidade sobre todos os vencimentos: NADA
  •         Plano de saúde acessível para os aposentados: NADA
  •         Reintegração de todos os demitidos em 2007: NADA


Nossa luta é por 5,13% de reajuste salarial, 14,99% de aumento real, VA de R$ 280,45 e reajuste de 23,44% para o VR. Também lutamos por equiparação salarial, 36 horas semanais, periculosidade sobre todos os vencimentos, plano de saúde acessível para os aposentados e reintegração de todos os demitidos em 2007.

Agora é o momento de preparar a greve. Participe das reuniões setoriais e de todas as manifestações convocadas pelo Sindicato. Vamos lotar o Sindicato na assembleia do dia 22 de maio, a partir das 18h30.

Calendário de mobilização:

  •     Uso de colete a partir de 21 de maio (segunda-feira)
  •     Reunião setorial da Manutenção em 18 de maio (sexta-feira), às 8h, na Sé
  •     Informe publicitário no jornal Metrô News em 18 de maio
  •     Ato Unificado com categorias em luta no dia 18 de maio, a partir das 17h, na Sé
  •     Distribuição de Carta Aberta à População em 21 de maio
  •     Reunião setorial da Manutenção no dia 21 de maio (segunda-feira), às 24h, na Sé
  •     Assembleia dia 22/5, terça-feira, 18h30, no Sindicato
  •     GREVE, a partir da ZERO hora do dia 23/5

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores