terça-feira, 22 de maio de 2012

Greve Metrô 2012: Sem acordo, metroviários devem trabalhar com 85% do efetivo amanhã



Fonte: Estadão

Acabou na noite desta terça-feira, 22, a audiência de conciliação entre o sindicato dos metroviários e representantes do Metrô de São Paulo no Tribunal Regional do Trabalho da 2.ª Região, no centro. Não houve acordo entre as partes. Por isso, a desembargadora Anélia Li Chum determinou que 100% dos metroviários deverão trabalhar amanhã nos horários de pico, ou seja, das 5h às 9h e das 17h às 20h.

Nos demais horários, a categoria terá que colocar no mínimo 85% dos funcionários para trabalhar. Em caso de descumprimento da decisão, o sindicato fica sujeito a multa diária de R$ 100 mil.

Pela decisão, os metroviários também ficam proibidos de realizar catraca livre, como havia sido aventado por alguns integrantes da categoria. O sindicato ainda não foi encontrado para comentar o assunto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores