terça-feira, 22 de maio de 2012

Greve Metrô 2012: Companhia ameaça chamar a polícia


Fonte: Band

O Metrô informou nessa segunda-feira que buscará reforço policial caso os metroviários cumpram a ameaça de liberar os bloqueios (catracas) das estações amanhã, quando a categoria ameaça entrar em greve.

Em nota, a companhia afirma que o ato de liberar a entrada nas estações sem cobrança de tarifa colocará em risco os passageiros, e pode resultar em depredação do patrimônio público. “O livre acesso acarretará na superlotação das plataformas e das demais áreas das estações. Essa medida nada tem a ver com o direito de greve”, diz a nota.

O Metrô diz que responsabilizará criminalmente os responsáveis pelo ato e que, buscará na Justiça o ressarcimento dos prejuízos.  O sindicato dos metroviários diz que a liberação dos bloqueios só ocorrerá caso a Justiça determine a manutenção de 100% do serviço.
A paralisação será decidida na tarde de hoje em assembleia dos metroviários.

Nova falha
Ontem, um trem da linha 3-Vermelha teve de ser recolhido após um problema de tração na estação Anhangabaú.

A composição seguia no sentido Corinthians-Itaquera. Todos os passageiros tiveram que deixar os vagões.  A falha, que ocorreu às 17h, paralisou a linha por 10 minutos.

Na semana passada, o choque de dois trens no trecho entre as estações Penha e Carrão deixou 49 pessoas feridas. A linha ficou parcialmente fechada por quase cinco horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores