sexta-feira, 23 de março de 2012

Moradores protestam contra Monotrilho da Linha 17


Fonte: Revista Ferroviária

Cerca de 300 pessoas (segundo estimativa da PM) ainda protestavam na zona sul de São Paulo, por volta das 9h50 desta quarta-feira, por melhores condições do transporte público. Devido à manifestação, a rua Túlio Mugnaini estava bloqueada, além de uma faixa da avenida Carlos Caldeira Filho, na altura da estrada de Itapecerica, sentido centro.

Os manifestantes estavam em frente ao metrô Capão Redondo. Representantes das subprefeituras de M'Boi Mirim e Campo Limpo estavam no local, e, de acordo com os manifestantes, uma reunião deverá ser marcada para discutir as reivindicações que inclui a alteração do projeto do monotrilho para metrô.

A manifestação começou por volta das 7h, na estrada do M'Boi Mirim, também na zona sul. Inicialmente, foi informado que os manifestantes iriam até a subprefeitura, mas o grupo desistiu. Apesar da estimativa da PM apontar cerca de 300 pessoas durante a passeata, manifestantes apontam que chega a 1.500 pessoas.
A via mais congestionada de São Paulo no horário ainda era a pista expressa da marginal Pinheiros, com 5,6 km de filas no sentido Interlagos. A retenção ia da Castello Branco até a ponte Cidade Universitária, e era resultado do excesso de veículos.

O trânsito estava abaixo da média na cidade de São Paulo, com 51 km de lentidão, o que representa 5,9% dos 868 km de vias monitoradas. A média do horário é de 6,9%. A pior região era a zona oeste, com 20 km de congestionamento. Segundo o serviço da empresa MapLink, usado pela Folha, a cidade tinha 290 km de filas no horário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores