quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Linha 2-Verde poderá ficar ainda mais lotada com chegada do Monotrilho

Monotrilho da Linha 2 terá ligação com a estação Vila Prudente
Por Diego Silva

Caros leitores, observando uma questão logística, notamos que o Monotrilho da Linha 2-Verde (que irá ligar Vila Prudente ao Hospital Cidade Tiradentes) poderá causar uma superlotação na estação Vila Prudente. Isso tudo pelo motivo seguinte: a atual estação não é uma estação de integração. Por mais que se faça um trajeto com certo espaço entre a estação do monotrilho e a estação do metrô subterrâneo, o número de usuários irá crescer consideralvemente, pois se trata de uma área com densidade demográfica bastante alta.

Segundo estudos realizados por especialistas do setor, um monotrilho similar ao modelo que o Metrô pretende adquirir tem capacidade para 40 mil usuários/hora/sentido. Considerando os trechos por onde a nova linha irá seguir (São Mateus, Sapopemba e Cidade Tiradentes, só como exemplos), podemos esperar mais uma linha saturada operando em São Paulo. Mas ao contrário do que se espera, o Metrô tem experiência de sobra para administrar a situação. A preocupação maior estaria mesmo em Vila Prudente, na hora da integração.

Por outro lado, o Monotrilho virá atender uma região bastante carente de transporte. Toda essa região por onde a Linha 2-Verde irá passar é atendida hoje, unicamente por ônibus municipais. O serviço não é dos melhores, como já visto em diversas reportagens na mídia. Com isso, o Metrô projetou e desenvolveu essa linha, que irá integrar com o terminal de ônibus na estação São Mateus. De acordo com informações, o primeiro trecho do novo serviço deverá entrar em operação já em 2013. A linha completa deverá ser entregue até meados de 2016.

O Metrô já começou a substituir todo o seu sistema de sinalização, para CBTC (Communication Based Train Control), muito utilizado na Europa e considerado o mais moderno da época. Com esse novo sistema, será possível reduzir intervalos, além de aproximar mais os trens. Além disso, a companhia está adquirindo 15 novos trens, para serem utilizados nas linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha, reforçando a frota nos horários mais complicados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores