quarta-feira, 19 de outubro de 2011

ViaQuatro: Operando a mais moderna linha de metrô da América Latina

Trem da Linha 4-Amarela no pátio da Vila Sônia
Fonte: ViaQuatro

A ViaQuatro é a concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 4-Amarela do Metrô de São Paulo, o primeiro contrato de Parceria Público-Privada assinado no país. A concessionária já investiu US$ 450 milhões entre sistemas, equipamentos e trens. São 14 (84 carros) para a primeira fase do projeto, e até 15 (90 carros) para a segunda fase. Ao longo dos 30 anos de operação, a ViaQuatro investirá mais de US$ 2 bilhões na linha.
A primeira fase da linha, com seis estações - Paulista, Faria Lima, Butantã, Pinheiros, República e Luz -, está concluída. Quando estiver totalmente pronta, a linha terá 12,8 quilômetros de extensão e 11 estações, ligando a estação Luz, no centro da cidade, ao bairro de Vila Sônia, na zona oeste.
Até 2014, estarão prontas também as estações Higienópolis-Mackenzie, Oscar Freire, Fradique Coutinho, São Paulo-Morumbi e Vila Sônia.
A Linha 4-Amarela integra o sistema metroferroviário da cidade. Ela se liga à Linha 2-Verde na Estação Paulista, à Linha 9-Esmeralda da CPTM na Estação Pinheiros, à Linha 3-Vermelha na estação República, à Linha 1-Azul e às Linhas 7-Rubi, 10-Turquesa e 11-Coral da CPTM na Estação Luz.

Chegada do primeiro trem da ViaQuatro ao pátio Vila Sônia
Modernidade e segurança
Os trens da Linha 4-Amarela são equipados com o que há de mais moderno em operação metroviária. A maior novidade é a tecnologia driverless, que permite a operação dos trens sem condutor, usando um sistema informatizado. Com a operação automática, há mais segurança: as velocidades são sempre reguladas de acordo com a necessidade, o que dará mais agilidade à operação dos trens. Na Linha 4, o intervalo entre os trens será de 90 segundos.
Também oferecem maior conforto para os passageiros, com ar-condicionado, passagem livre entre carros, baixo nível de ruído e permitirão a comunicação direta com o Centro de Controle Operacional - CCO.

Estação Pinheiros - Linha 4-Amarela
A modernidade também está presente nas estações. A Linha 4 foi a primeira na América Latina a entrar em funcionamento com divisórias de vidro separando a plataforma dos trilhos. As portas se abrem juntamente com as do trem, que estaciona no ponto exato da entrada e saída dos usuários. Esse sistema contribui de maneira expressiva para a diminuição de acidentes e interrupções no transporte metroviário de São Paulo. Além disso, as escadas rolantes são automáticas e definem sua velocidade em função da quantidade de pessoas.


Sobre a ViaQuatro
Concessionária do Grupo CCR, tem seu capital social dividido da seguinte maneira: 58% são detidos pela CCR; 30% pela Montgomery Participações S/A; 10% pela Mitsui & Co. Ltda.; 1% pela RATP Developpement S/A e 1% pela Benito Roggio Transporte S/A. Assinou em novembro de 2006 o primeiro contrato de Parceria Público-Privada com o governo do Estado de São Paulo, para operar e manter a Linha 4-Amarela do metrô.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores