quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Metroviários reclamam do 'Zorra Total'

Quadro 'Metrô Zorra Total', exibido pela Rede Globo (Divulgação)
Fonte: Revista Ferroviária

O Sindicato dos Metroviários de São Paulo formalizou ontem pedido de retirada do ar do quadro "Metrô Zorra Total", do humorístico da Rede Globo. Em carta enviada à entidade, divulgada ontem, a secretária nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres, Aparecida Gonçalves, afirma apoiar "a solicitação junto à emissora para que o quadro seja resignificado ou retirado de sua programação".
Para o sindicato - que protocolou o pedido na sede da emissora, no Brooklin, zona sul - o quadro que faz piada com mulheres em um vagão lotado de metrô incita a violência sexual contra as mulheres no transporte público. Como base para o protesto, é citado o primeiro caso de estupro em um trem do metrô paulistano, registrado neste ano."O quadro banaliza, de forma sarcástica, a situação de violência a que estão expostas as milhares de usuárias de metrô todos os dias", dizem os metroviários.

2 comentários:

Ariane C. disse...

Olá, sofri assédio e ameaça de estupro essa semana, nas imediações do metrô Bresser-Mooca. Estou processando o agressor e fiz um post no blog que faço parte dando meu depoimento: http://misturaurbana.com/2011/12/o-dia-em-que-eu-tive-medo-por-ser-mulher/

Também estou na luta contra esse quadro do programa e a banalização da violência sexual contra mulheres no suposto humor do Zorra Total. Fico feliz que não estou sozinha.

Um abraço!

Diego Silva disse...

Olá Ariane!

Li o seu relato no blog 'Mistura Urbana'. Lamento os fatos ocorridos, esperando que você tenha superado esse trauma. Tenha cuidado no seu dia-a-dia. Estamos juntos na luta à violência contra a mulher! O blog 'Metrô em Foco' está com você e com todas as usuárias.

Abraço

Postar um comentário

Seguidores