quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Linha 16-Prata: Projeto engavetado

Por Diego Silva

O Metrô, num primeiro instante, desistiu da construção da Linha 16-Prata. O projeto, anunciado em meados do ano passado, não sairá pelo menos até 2020, de acordo com informações da empresa. Ainda segundo a empresa, a futura Linha 6-Laranja irá atender a possível demanda que a Linha 16 teria, portanto, seria inviável num primeiro momento construir duas linhas tão próximas. A Linha 6-Laranja deverá ter suas obras iniciadas já no ano que vem.
O projeto da Linha 16-Prata, em forma de monotrilho, abrangia as seguintes estações:

- Lapa (integração com a Linha 8 da CPTM)
- Ermano Marchetti
- Santa Marina
- Nossa Senhora do Ó
- Vila Carbone
- Jardim Primavera
- Vila Espanhola
- Centro Cultural Ruth Cardoso
- Vila Dionísia
- Cachoeirinha

O Metrô não soube informar quando pretende retomar o projeto da Linha 16. Pelos planos, a linha não deverá sair até o ano 2020. Após isso, poderá ser incluída no novo PITU (Plano Integrado de Transportes Urbanos).

3 comentários:

Anônimo disse...

QUE COISA INCRIVEL LOGO A LINHA QUE TERIA POR TEORIA O CUSTO MAIS BAIXO , TALVES SEJA POR ISSO! que não a queiram para já.

Ricardo Pereira disse...

Após a modificação das marginais e restrições a caminhões, o gargalo ficou nas pontes, a maior dificuldade de quem mora na região da Cachoeirinha , Vila Espanhola, Casa Verde Alta é atravessar as pontes( Piqueri, Freguesia do Ó, Limão e Casa Verde).

A LINHA PRATA desafogaria as pontes, pois diminuiria consideravelmente a quantidade de carros, porém como fica numa região onde a classe social é maia baixa, então não existe o interesse.

Pegar um ônibus e demorar 1 hora e 30 minutos só para atravessar a ponte é lamentável.

Raffaell Garone disse...

Que bom, ao invés de fazer uma linha mais longa, pegam o projeto e enfiam na gaveta. Ao invés de fazer uma linha cinza e outra rosa, por que não fazem uma linha rosa que sai da cachoeirinha e vai até Moema?

Postar um comentário

Seguidores