sábado, 22 de outubro de 2011

Estação Trianon-MASP recebe exposição do 'salão do humor'





Fonte: Metrô

O programa “Ação Cultural” do Metrô, em parceria com a Secretaria Municipal de Arte e Cultura de Piracicaba (Semac), inaugurou no último dia 10, na estação Trianon-Masp, uma exposição do 38º “Salão Internacional de Humor de Piracicaba”, que permanecerá aberta até o dia 31 de outubro.
Quem passar pela estação poderá conferir desenhos do acervo dos 37 anos (1974/2010) do Salão. A mostra é uma reprodução de obras premiadas nas quatro categorias básicas do humor gráfico: cartum, charge, caricaturas e tiras de autores brasileiros, como Laerte Coutinho e Luiz Gustavo Guimarães, e estrangeiros: Jurij Kosobukin e Ricardo Castro.
O “Salão de Humor de Piracicaba” foi um movimento de contestação e resistência à ditadura militar e que acabou ganhando visibilidade no período, dando status de artista aos “briguentos” da época, onde se destacaram os chargistas Chico e Paulo Caruso.
Segundo o professor Adolpho Queiróz, um dos idealizadores da exposição, “Piracicaba foi o berço da profissionalização desses artistas e que o Salão é o mais antigo do mundo”, disse.
Ele agradeceu ao Metrô o apoio e destacou a importância de trazer o evento a São Paulo. “Queremos fazer o Salão chegar mais perto do público e torná-lo ainda mais conhecido. Para isso, não haveria lugar mais indicado do que uma estação de metrô”, finaliza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores